Marcadores

terça-feira, 17 de maio de 2011

Essas são algumas dicas da Consultora de Imagem Gloria Kalil do livro ‘CHIC’ UM GUIA BÁSICO DE MODA E ESTILO, 28ª edição, editora SENAC, São Paulo.
Casamento à luz do dia
Neste horário, os trajes não comportam brilhos, brocados, nada que pretenda concorrer com a luminosidade do dia. As modelagens são mais simples, sem drapês, franzidos, ou muito volume da roupa. Isso vale para a noiva, madrinhas e convidados. Os  tecidos como as sedas, piques de algodão, gorgurão, crepes e organzas esvoaçantes são mais apropriados. Flores na grinalda, chapéus de palha de abas largas.

A Noiva
Na cabeça
Aposte em véus curtos, pequenos casquetes com veuzinhos, arranjos com véus curtos na frente e mais compridos atrás, grinalda de flores naturais, véus compridos, desde que sejam leves e que não arrastem pelo chão
Sugestões de trajes
-Tailleur de seda branco (saia + paletó), camiseta de renda por baixo, buquê pequeno de flores naturais, meia marfim, sapato Chanel branco e cru, chapéu pequeno de palha, com veuzinho curto.
-Vestido curto com piquê branco, mangas curtas, véu curto de point d’ésprit (bolinhas de veludo salpicadas), luvinha, buquê pequeno de flores naturais, meia cor da pele, sapatilha de cetim branco, arranjo de flores naturais no cabelo.
-Vestido comprido de gorgurão branco com decote de ombro a ombro, mangas curtas ou compridas, buquê com flores do campo, com laço de veludo verde, meia cor da pele, escarpim branco, arranjo de laço com flores do campo coloridas no cabelo.
Lembrete: Gargantilhas leves, colar de pérolas. Nada de pedrarias coloridas. Brincos Delicados.
Madrinhas e Convidados
Num casamento campestre, os vestidos bem vaporosos são permitidos, assim como as estampas floridas. É a ocasião perfeita para o chapéu, protegendo do sol. Na cidade, é diferente: modelagens mais secas, embora as cores continuem suaves. No inverno, as madrinhas seguem o mesmo estilo de roupas, só que em cores mais escuras.
Lembrete: O branco e o preto são cores proibidas para madrinhas, não importa o horário ou estação do ano.
Sugestões de traje
-Chemisier de mousseline estampada, saia com pouca amplitude, meia clara, escarpim cru,  chape de palha colorido ou natural.
-Tubo seco de jérsei estampado, com paletó de linho ou seda numa das cores da estampa, meia clara, escarpim cru ou da cor do paletó, pequeno arranjo de flor e véu na cabeça, bolsa pequena ou carteira de palha fina.
-Tailleur (paletó + saia) de microfibra liso ou linho príncipe de Gales, em tons neutros, camisa de seda por baixo, meia clara, escarpim areia ou sapato fechado de bico quadrado, bolsa pequena, minicasquetes de palha natural.
Chapéus
Proteger do sol é uma das funções do chapéu, num casamento ao ar livre. Neste caso, prefira os de palha. No interior do templo, cobrir a cabeça é sinal de respeito. Use pequenos casquetes, arranjos com flores e véus. No inverno, chapéus de feltro caem bem.
O uso do chapéu não faz parte do cotidiano das brasileiras. Por isso mesmo, antes de escolher o que vai usar no casamento, experimente vários tipos até acertar, para que não fique com cara de fantasia. Além disso, há uma proporção entre a altura da pessoa e o tamanho do chapéu: mulheres altas seguram melhor chapéus maiores.
-Capelines: são os de aba larga. Se você tem um rosto miúdo, cuidado para não desaparecer sob o chapéu.
-Casquetes ou pillbox: são pequenas formas redondas, de palha, feltro ou forradas de tecido. Têm de estar em perfeita harmonia com o penteado.
-Boinas: Combinam com tailleurs e ficam muito elegantes num tecido mais precioso, como o cetim. Do contrário, são esportivas.
Em breve, mais dicas para você!

Um comentário:

  1. Katrine Vamerlati23 de maio de 2011 21:15

    Oi amorecooooo, adoro ver esse blog cheio de novis, e adoro me ver neles hehehe, nas rodas de meninas só se fala na campanha CASA COMIGO, adoramos muito show...bjao saudades

    ResponderExcluir